Químicos conquistam proposta de reajuste de 100% do INPC e manutenção da Convenção Coletiva até 2021

Rodada de Negociação. foto Imprensa FEQUIMFAR

“Mais uma vez, os trabalhadores da categoria dos químicos, plástico e fertilizantes conquistaram a proposta de manutenção de todas as cláusulas em Convenção Coletiva de Trabalho, além de reajuste salarial e no Piso de 100% do INPC, repondo integralmente a inflação do período, e reajuste na PLR. Diante do cenário e das dificuldades que o país enfrenta, esta é uma grande vitória!”

Sergio Luiz Leite, Serginho Presidente da FEQUIMFAR e 1º secretário da Força Sindical

Na manhã de hoje, líderes da FEQUIMFAR/Força Sindical e FETQUIM/CUT realizaram a 1ª rodada de negociação coletiva da Campanha Salarial e Social dos Trabalhadores dos Setores Químico e Plástico, com data-base em 1º de novembro.

Participaram das negociações dirigentes da FEQUIMFAR/Força Sindical, FETQUIM/CUT, Sindicatos filiados e a bancada patronal composta por representantes do Grupo CEAG 10 da FIESP.

A unidade da Bancada dos Trabalhadores conquistou a seguinte proposta patronal:

Reajuste salarial: 100% do INPC em todas as faixas salariais, inclusive nos Pisos Salariais.

  • PLR

Empresas com até 49 trabalhadores= PLR de R$ 1.035,00

Empresas com mais de 49 trabalhadores= PLR de R$ 1.150,00

  • Grupo de Trabalho para negociação permanente
  • Continuidade dos Grupos de Trabalho para debates sobre os impactos da reforma trabalhista na Convenção Coletiva de Trabalho.
  • Manutenção das demais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho e validade da CCT até 2021.

Próximas etapas

Até o dia 31 de outubro, a proposta patronal será avaliada pela categoria junto aos Sindicatos nas bases, para, em seguida, ser discutida em Assembleia Geral na sede da FEQUIMFAR. Se aprovada, a Convenção Coletiva de Trabalho deverá ser assinada no dia 12 de novembro.

Por: Imprensa FEQUIMFAR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
%d blogueiros gostam disto: